domingo, 7 de fevereiro de 2016

CUIDADO: A SUA VIDA PODE ESTAR EM RISCO



Em meio a uma das maiores festas do folclore brasileiro, uma epidemia tríplice nos atinge, dengue, chikungunya e o zika vírus, levando medo e pânico a milhares de pessoas de norte a sul deste país.

No site do Ministério da saúde há uma matéria em destaque contendo inúmeras recomendações para todos, mas, em especial para os foliões, quanto às medidas de prevenção e os cuidados com o mosquito transmissor destas doenças.

Não querendo, em hipótese alguma, menosprezar os efeitos provocados por estes vírus, pois, todos tem conhecimento da quantidade de vidas que tem sofrido danos irreversíveis ao serem atingidas por eles, em destaque, as mulheres no período de gestação. Existe algo muito pior do que os efeitos causados pelo mosquito aedes aegypti. Alguém deve estar pensando: Lógico, isto é evidente, existem inúmeras outras doenças terríveis e até incuráveis, mas, não estou me referindo a nenhuma delas. Bom, se existe algo pior e não se trata de nenhuma outra doença diagnosticada, o que poderia ser pior para os brasileiros do que esta epidemia? A morte é uma realidade na vida de todos, é como se cada cidadão possuísse uma senha para identificar a chegada da sua vez. Um determinado dia e horário, alguém grita o número da senha e você se depara com a triste realidade de que é o seu.

Tão certa quanto à primeira, segundo a Bíblia, existe uma segunda morte, a espiritual. Uma eternidade num lugar terrível que é chamado de inferno. Ser designado para este lugar é incomparavelmente pior do que qualquer outra coisa já vivenciada pela humanidade desde a sua criação.

Neste momento oportuno, gostaria de ressaltar a todos os foliões e demais pessoas a se prevenirem, não apenas contra um pequenino mosquito, mas quanto aos danos desta segunda morte. A Bíblia diz que o mundo passa, juntamente com os seus prazeres, mas aquele que faz a vontade de Jesus, este permanece para sempre (1ª João 2.17). Muito em breve, mais um carnaval vai se findar; a alegria vai acabar; pessoas terão sido contaminadas por doenças sexualmente transmitidas; outras sairão do êxtase provocado pelo consumo de drogas lícitas e ilícitas, entrando em depressão por se depararem com a sua cruel realidade de vida.

Portanto, previna-se, não com o uso de preservativos, para não ser infectado com o vírus HIV; não apenas tomando cuidados para não ser picado por um inseto, mas, contra a possibilidade de vir a sofrer o dano da segunda morte. Alguém então perguntará: E como isto será possível? A Bíblia afirma que no momento em que nos arrependermos de todos os nossos pecados e confessarmos a Cristo como nosso Senhor e Salvador, nossos nomes serão escritos no Livro da Vida e estaremos imunes à condenação eterna.   

E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.” (Apocalipse 20.15).

Que Deus abençoe poderosamente a sua vida.

Juvenal M. de Oliveira Netto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto

Sou casado com Nilcéia e temos duas lindas filhas. Me alistei no Exército de Cristo a cerca de 24 anos atrás. Desde então meu alvo é agradá-lo em tudo o que faço. Meu maior prazer é anunciar as boas notícias do Senhor Jesus, sendo um profeta (aquele que fala em o nome do Senhor) para esta geração.